BANNER TOPO

Ùltimos

Policial

Câmara de Patos garante reajuste salarial a servidores e adicional de insalubridade às auxiliares de serviços

sexta-feira, 20 de abril de 2018--

/ por Redação
O presidente da Câmara Municipal de Patos, Sales Mendes Júnior (PRB), esteve reunido nesta quinta-feira, dia 19, com a presidente do Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Patos e Região, Carminha Soares, e o vice-presidente, José Gonçalves, para debater o adicional de insalubridade dos (as) auxiliares de serviços gerais da Casa Legislativa e o reajuste salarial dos servidores.

Desde o mês de fevereiro, a Casa Juvenal Lúcio de Sousa se reúne com sua equipe técnica, contábil e jurídica para estudar a viabilidade e possibilidade de conceder o reajuste salarial. Na oportunidade, Sales Júnior comunicou ao Sindicato que o planejamento do Poder Legislativo será concretizado em julho deste ano.

“Nós iremos começar a implantar já a partir do primeiro mês do segundo semestre o reajuste salarial para todos os servidores efetivos da Câmara. Acredito que em uma gestão, num momento como este que estamos vivendo de crise, de muitas dificuldades, a Câmara se sobressai por, justamente, planejar e executar”, afirmou o presidente.

Já com relação ao adicional de insalubridade, Sales garantiu que a intenção é de implantá-lo no próximo mês, uma vez que está averiguando ajustes na lei na questão jurídica. Ele também disse que a Câmara irá acompanhar o uso dos EPI’s, pois, “é importante os servidores estarem resguardados em relação a algum problema futuro que possa acontecer”, garantiu o presidente.

A presidente do Sinfemp, Carminha Soares, avaliou a reunião e pontuou o diálogo que sempre vem mantendo com o presidente da Câmara.

“Muito proveitosa... O presidente da Câmara, Sales Júnior, sempre vem dialogando com o Sindicato para encaminhar todas as demandas dos servidores da Câmara. Então, hoje de manhã, nos reunimos para que ele nos comunicasse o que vai ser feito para esses servidores”, comemorou.

José Gonçalves, vic-presidente do Sindicato, afirmou que a iniciativa do presidente da Câmara é fundamental, pois, resguarda o direito dos servidores da Câmara Municipal de Patos, a exemplo das auxiliares de serviços.

“Um laudo feito pelo Sinfemp através do engenheiro do trabalho e enviado para a Câmara e, ele (Sales) justamente, convidou o Sindicato para sentar e definir essa implantação da insalubridade para as auxiliares de serviços da Casa Legislativa de Patos. Outro aspecto é essa revisão salarial para os demais servidores que ganham acima do salário mínimo na Casa que é uma reivindicação que vem sendo feita, uma demanda da categoria”, explicou.

Ainda para Gonçalves, o presidente da Casa Legislativa demonstra o compromisso com os servidores.

Ascom CMP
Outros Destaques
© todos os diteiros reservados
easyweb com tecnologia blogger