BANNER TOPO

Ùltimos

Policial

Prefeito Lenildo Morais dialoga com representações sindicais e promete empenho nas demandas apresentadas

segunda-feira, 14 de novembro de 2016--

/ por Redação
O prefeito interino de Patos, Lenildo Morais, recebeu em seu gabinete na manhã desta segunda-feira (14), duas comissões que representaram o Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e o Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Patos e Região (Sinfemp).

A pauta das duas reuniões girou em torno de alguns ajustes referentes ao pagamento dos servidores da saúde. Após a reunião, o prefeito Lenildo Morais recebeu a imprensa e fez um balanço do que ficou acordado. O momento também contou com a presença da secretária de saúde Raiane Dantas.

Sobre os agentes comunitários de saúde, o gestor disse que está avaliando juridicamente a possibilidade de implantar as progressões, além de viabilizar o pagamento das parcelas do PMAQ, referente ao período que ele está a frente do município. Outras demandas foram relacionadas à concessão de pequenas gratificações para algumas categorias, pagamento de férias e implantação do adicional de insalubridade ao salário base.

Bosco Valadares, presidente do Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde, considerou que a sinalização do prefeito deixa os profissionais positivistas diante dos encaminhamentos das solicitações colocadas em discussão.

Uma novidade foi quando Lenildo informou que neste mês de novembro os servidores efetivos e aposentados receberão os provimentos dentro do mês trabalhado.

Sobre a reunião com os representantes do Sinfemp, Lenildo disse que o debate também foi positivo, uma vez que as demandas apresentadas serão devidamente atendidas. Os profissionais de saúde que atuam através de contrato via processo seletivo, receberam a boa notícia de que este ano terão acesso ao décimo terceiro salário, além de férias e salário dentro do mês trabalhado. 

O vice presidente do Sinfemp, José Gonçalves, se pronunciou sobre o encontro, e destacou:

“Estamos amarrando pontos importantes que com certeza terão um olhar cuidadoso do gestor, pois não queremos deixar nenhuma pendência relacionada ao atraso de salário para a gestão que virá pela frente”, comentou Gonçalves.
Outros Destaques
© todos os diteiros reservados
easyweb com tecnologia blogger