BANNER TOPO

Ùltimos

Policial

Médico cubano chega a Patos para atender população do Noé Trajano e reforça equipe da atenção básica

sábado, 5 de novembro de 2016--

/ por Redação
Mais um médico cubano chegou a Patos para atender as famílias da Unidade Básica de Saúde da Família Walter Ayres, do Bairro do Noé Trajano, através do Programa do governo Federal ‘Mais Médicos’. Amed Henrique tem 30 anos de idade e cerca de cinco anos de experiência em  medicina preventiva e  atenção básica.

Amed Henrique trabalhou na periferia de Havana, capital de Cuba, país que exporta para o mundo modelo de programas e experiências em medicina voltada à família.

As expectativas, de acordo com Amed Henrique, são as melhores possíveis. Ele disse que espera poder contribuir para levar saúde para a população brasileira, com o mesmo empenho e dedicação com que atendeu à população de seu país.
Com a chegada do profissional, Patos fica com dois médicos cubanos que integram a equipe do Programa Mais Médicos.

De acordo com a coordenadora da Atenção Básica, Janaína Lúcio Dantas, o programa ‘Mais Médicos’ em Patos foi implantado em 2013, quando o governo Federal lançou o programa com o objetivo de destinar médicos para as localidades com dificuldades de contratar profissionais para atender a população.

Naquele ano, duas unidades básicas de saúde da Família de Patos, a Pedro Leandro Sobrinho, no Monte Castelo; e a Walter Ayres, no Noé Trajano, estavam sem médicos e o município aderiu ao Mais Médicos. No ano seguinte, os cubanos John Sobral e  Joelquis Ortega chegavam ao município para atender a população desassitida.

“Este ano, a médica Joelquis Ortega pediu desligamento por motivos pessoais e voltou para Cuba e o médico Amed Henrique veio substituí-la”, explicou Janaína.
A coordenadora da Atenção Básica informou que das 40 unidades básicas de saúde da família de Patos, apenas a Evaristo Guedes, no Bairro do Mutirão, está sem médico no momento, mas acrescentou que um profissional já está sendo contratado e dentro de dez dias a população poderá contar com assistência.

Outra informação repassada por Janaína Lúcio diz respeito a implantação de mais uma unidade básica de saúde na nossa cidade que beneficiará os moradores do Residencial Itatiunga. O projeto de construção já foi aprovado pelo Conselho Municipal de Saúde e divulgado no Diário Oficial do Município. Agora, ele será enviado ao Ministério da Saúde para a liberação dos recursos. 

 
Outros Destaques
© todos os diteiros reservados
easyweb com tecnologia blogger